Estado de defesa, estado de sítio ou intervenção federal? Entenda cada estado de exceção no Brasil

Forças Armadas fazem operação no Jacarezinho (RJ), em 18 de fevereiro de 2018. Foto: Tânia Rêgo / Agência Brasil

O Estado de Defesa, o Estado de Sítio e a Intervenção Federal representam medidas extraordinárias previstas pela Constituição Federal, buscando restabelecer ou garantir a continuidade da normalidade constitucional ameaçada. Dessa forma, esses instrumentos são estados de exceção, que devem ocorrer apenas quando estritamente necessários e por um prazo temporal determinado, sob o risco de darem vazão a impulsos autoritários.

E você sabe quais são as diferenças entre esses três mecanismos? Vamos analisar suas diferenças e similaridades, trazendo, ao final, uma tabela comparativa que facilita a identificação de cada Estado de Exceção. Ou, se preferir, clique abaixo na parte que mais quer saber e vá direto ao assunto.