Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedIn
Print Friendly, PDF & Email

As eleições presidenciais americanas em 10 passos

Foto: Krassotkin/Gage Skidmore/Wikimedia Commons.

Entender o processo eleitoral americano através das últimas notícias pode ser uma tarefa bem complicada. Por isso, o Politize! preparou um passo a passo para te ajudar nesta missão. Vamos lá?

1. Pesquisas eleitorais

Antes que qualquer campanha se inicie, os partidários que possuem vontade de concorrer à presidência viajam, sondam e pesquisam sobre suas chances, conversam com possíveis eleitores, financiadores, entre outros.

2. Pré-candidatos

As primárias – ou prévias – são como uma campanha eleitoral comum. A única diferença é que a disputa nas primárias ocorre dentro dos partidos, entre vários pré-candidatos. Vale lembrar que os dois principais partidos dos Estados Unidos são o partido democrata (partido do atual presidente Barack Obama) e o partido republicano (do ex-presidente George W. Bush). Os pré-candidatos disputam entre si para a vaga do candidato que representará o partido nas eleições presidenciais.

banner-partidos-politicos-brasileiros

3. Delegados

Nos EUA, ao contrário do Brasil, o voto é indireto. A população escolhe pessoas que irão votar em seu nome, assim como, em alguns estados, o partido escolhe o membro que irá votar por eles. Esses representantes são chamados de delegados. A quantidade de delegados será definida pela população de cada estado-membro. Por essa razão, alguns estados têm maior relevância que outros. Quanto mais delegados, maior o número de votos. Os votos da população, assim como nas primárias (tópicos 4 e 5), serve como direcionamento para que os delegados votem por eles. Nem todos os delegados acabam votando de acordo com a sua comunidade no fim das contas.

Veja também: como funcionam as eleições norte-americanas?

4. Caucus

A escolha dos candidatos ainda na primeira fase pode ser feita através de dois sistemas, a critério de cada estado: os caucus e as primárias simples. O caucus ocorre quando a comunidade se reúne em prédios públicos ou de uso coletivo, para escolher alguém que possua a mesma inclinação política da maioria de tal comunidade e possa votar por eles em um candidato em comum. Aqueles que são escolhidos localmente estarão aptos a serem escolhidos na reunião da cidade, depois do estado, e por fim, para irem à convenção nacional (ver tópico 7).

5. Primárias abertas e fechadas

A segunda forma de escolha de candidato de cada partido são as primárias abertas e fechadas. Como se sabe, nos EUA, os estados-membros possuem grande autonomia. Em razão deste motivo, o formato das eleições prévias é determinado por cada um deles.

As primárias abertas permitem que as pessoas votem em qualquer pré-candidato, de qualquer partido, independentemente de serem ou não filiadas a ele. Já as primárias fechadas são restritas aos partidos: apenas pessoas filiadas ao partido que realiza as primárias votam, e as escolhas se limitam aos pré-candidatos dos respectivos partidos. O conteúdo completo você confere no infográfico abaixo! 

Que tal baixar esse infográfico em alta resolução?

eleições-presidenciais-americanas
Publicado em 06 de maio de 2016. Última atualização em 17 de abril de 2017.
Ana C. Salvatti Fahs
Acadêmica do curso de Ciências Políticas, aprovada e certificada nos cursos Moral Foundations of Politics/Yale University e Intercultural Communication and Conflict Resolution/University California, Irvine – plataforma Coursera.