conteúdo sobre apropriação cultural
Os turbantes, por exemplo, são historicamente utilizados pelas culturas de matriz africana. Quando uma pessoa negra coloca seu turbante ou suas tranças, ela está reafirmando uma ancestralidade que sempre foi obrigada a reprimir. Foto: Pexels.

Cada vez mais presente nos debates políticos sobre racismo, cultura e identidade, a apropriação cultural é uma pauta indispensável quando pensamos no atual cenário do Brasil e do mundo. Mas você sabe o que esse termo significa?

Entenda o conceito

Para entender o que ‘apropriação cultura’ significa precisamos, antes, compreender o significado de ‘apropriação’ e ‘cultura’ de forma individual.

Podemos definir ‘cultura’ como sendo o conjunto de práticas, símbolos e valores que um grupo específico compartilha entre si. Por exemplo, as ocas são um símbolo importante para a cultura indígena, pois é parte essencial da constituição histórica do grupo da qual ela pertence.  

Já ‘apropriação’ é o ato de tomar para si determinado elemento sem o consentimento do proprietário. Mas, então, o que seria a  ‘apropriação cultural’? 

Basicamente, é a ação de adotar elementos de uma cultura da qual você não faz parte. Além disso, para que a gente não fique na superfície da questão, precisamos lembrar que esta apropriação envolve uma relação de poder. Uma cultura, historicamente suprimida e minorizada, tem seus elementos roubados e seus sentidos apagados pela cultura que sempre a dominou.

O doutor em Ciências Sociais, antropólogo e autor do livro “Apropriação Cultural”, Rodney William, define este conceito da seguinte forma:

É uma estratégia de dominação que visa apagar a potência de grupos histórica e sistematicamente inferiorizados, esvaziando de significados todas as suas produções, como forma de promover seu genocídio simbólico.

Portanto, a apropriação desses símbolos colabora para a manutenção do racismo estrutural em nossa sociedade e para a continuidade de diversos estereótipos sobre determinadas culturas. 

Quer entender esse debate sobre racismo estrutural no Brasil? Assista nosso vídeo:

Porque apropriar-se de uma cultura é tão problemático?

Para muitas pessoas, afirmar-se pertencente à determinado grupo é uma tarefa dolorosa. Tomemos como exemplo a população negra no Brasil. Como consequência de 300 anos de escravidão, enfrentam até hoje um sistema que reprime tudo que diz respeito à sua origem. Seus traços, costumes, crenças, etc.

Os turbantes, por exemplo, são historicamente utilizados pelas culturas de matriz africana. Quando uma pessoa negra, inserida nessa realidade que reprime tudo que diz respeito à sua origem, coloca seu turbante ou suas tranças, ela está reafirmando uma ancestralidade que sempre foi obrigada a reprimir. Isto significa que ao apropriar-se determinada cultura, embranquecendo seus atores, esvazia-se de todo o significado e seu caráter político.

Leia também: movimento negro no Brasil!

A apropriação é sobre indivíduos?

Não! Indivíduos se apropriando de uma cultura são apenas sintomas de um problema muito maior. O debate sobre apropriação cultural é sobre o sistema capitalista que, visando o lucro, transforma a cultura de um povo em produto, mas não valoriza o povo cuja cultura é pertencente. 

A colunista Stephanie Ribeiro afirma que:

A apropriação cultural não é uma crítica sobre o indivíduo branco, mas sobre uma estrutura racista nociva que apaga e silencia os demais.

Como saber mais sobre o assunto?

Precisamos concordar que falar sobre apropriação cultural não é uma tarefa simples. E, mais do que isso, é importante que tenhamos propriedade quando formos falar sobre esse tema para não debater de forma superficial. 

Pensando nisso, separamos uma lista com uma série de matérias que podem ajudar a conhecer mais sobre o assunto.

O que é apropriação cultural? | Spartakus Santiago

EXISTE APROPRIAÇÃO CULTURAL? AS MULHERES BRANCAS PODEM USAR LAÇOS NA CABEÇA?

Caminhos da Reportagem | Apropriação cultural

Você já estava familiarizado com esse conceito? Conta pra gente!

REFERÊNCIAS

Stephanie Ribeiro: Afinal o que é apropriação cultural?

Apropriação Cultural – Brasil Escola

O uso de turbantes por pessoas brancas é apropriação cultural?

Deixe um Comentário