Escreva aqui o que você tem interesse em aprender e veremos o que podemos encontrar:

Assine a nossa newsletter

Seus dados estão protegidos de acordo com a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD)

Apoie a democracia e receba conteúdos de educação política

Publicado em:

Atualizado em:

Auxílio Brasil. Imagem: Ministério da Cidadania, Governo Federal.
Imagem: Ministério da Cidadania, Governo Federal.

O Auxílio Brasil, também conhecido como “novo Bolsa Família”, foi criado pelo governo federal em 10 de agosto de 2021, através de uma Medida Provisória (MP).

Quer entender melhor o que é o programa? Logo abaixo detalhamos tudo para você!

O que é o Auxílio Brasil?

O Auxílio Brasil é um programa social que integra várias políticas públicas de assistência social, saúde, educação, emprego e renda.

O Auxílio Brasil já está em vigor e começou a ser pago em 17 de novembro de 2021. Neste primeiro momento, o valor médio foi de R$ 217,18 (duzentos e dezessete reais e dezoito centavos). Atualmente, as parcelas do Auxílio Brasil possuem valor médio de R$ 400,00 (quatrocentos reais).

Dentre seus objetivos, o programa pretende incentivar a inserção de jovens e adultos no mercado de trabalho, através de estímulos à qualificação profissional. Além disso, prioriza “as crianças, sobretudo na primeira infância, e os adolescentes como público das políticas de proteção social e de desenvolvimento humano”, implementando auxílios focados nesta faixa etária, como o auxílio esporte escolar e a bolsa de iniciação científica.

Quem pode receber o Auxílio Brasil?

O Auxílio Brasil é destinado a famílias em situação de pobreza e extrema pobreza que possuírem em sua composição gestantes ou pessoas com idade de até 21 (vinte um) anos incompletos. Os parâmetros são:

  • Extrema pobreza: renda familiar mensal per capita no valor de até R$ 105,00 (cento e cinco reais). 
  • Pobreza: renda familiar mensal per capita no valor entre R$ 105,01 (cento e cinco reais e um centavo) e R$ 210,00 (duzentos e dez reais).

Quais são os benefícios do Auxílio Brasil?

Os principais benefícios financeiros do Auxílio Brasil são os seguintes:

  1. Benefício Primeira Infância – no valor de R$ 130,00 (cento e trinta reais), destinado às famílias que possuam em sua composição crianças com idade entre 0 (zero) e 36 (trinta e seis) meses incompletos;
  2. Benefício Composição Familiar – no valor de R$ 65,00 (sessenta e cinco reais), destinado às famílias que possuam, em sua composição, gestantes ou pessoas com idade entre 3 (três) e 21 (vinte e um) anos incompletos;
  3. Benefício de Superação da Extrema Pobreza – valor mínimo de R$ 25,00 (vinte e cinco reais) calculado por integrante, cuja renda familiar mensal per capita for igual ou inferior ao valor da linha de extrema pobreza.

Além dos benefícios citados, outros seis compõem o Programa, são eles:

  1. Auxílio Esporte Escolar – concedido a estudantes, integrantes de famílias que recebem benefício, que se destaquem em competições esportivas. São 12 parcelas mensais de R$ 100,00 (cem reais) para o estudante e uma parcela única de R$ 1.000,00 (mil reais) para a família;
  2. Bolsa de Iniciação Científica Júnior – concedido a estudantes, integrantes de famílias que recebem benefício, que se destaquem em competições acadêmicas e científicas ligadas à educação básica. São 12 parcelas mensais de R$ 100,00 (cem reais) para o estudante e uma parcela única de R$ 1.000,00 (mil reais) para a família;
  3. Auxílio Criança Cidadã – acesso de crianças a creches que ofertem educação infantil. Os valores mensais são de R$ 200,00 (duzentos reais) para crianças em turno parcial e de R$ 300,00 (trezentos reais) para crianças em turno integral;
  4. Auxílio Inclusão Produtiva Rural – incentivo à produção, doação e consumo de alimentos saudáveis pelos agricultores familiares que recebam o benefício. Cada família recebe parcelas mensais de R$ 200,00 (duzentos reais);
  5. Auxílio Inclusão Produtiva Urbana – concedido àqueles que recebam o benefício e que comprovarem vínculo de emprego formal. Cada família recebe parcelas mensais de R$ 200,00 (duzentos reais);
  6. Benefício Compensatório de Transição – benefício dado a famílias que recebiam o Bolsa Família durante a transição para o Auxílio Brasil. Ocorreu apenas no mês de novembro de 2021.

Alimenta Brasil

Além do Auxílio Brasil, a MP também abrange um outro benefício voltado ao acesso à alimentação e ao incentivo do consumo de alimentos provenientes de agricultura familiar, o “Alimenta Brasil”. Resumidamente, o programa poderá ocorrer em modalidades de doação ou compra de alimentos, incentivos à produção de leite e formação de estoque.

A ideia é o poder público adquirir alimentos produzidos por “agricultores familiares, extrativistas, pescadores artesanais, povos indígenas e demais populações tradicionais” e distribuí-los para “famílias em situação de insegurança alimentar, rede socioassistencial, escolas públicas, unidades de saúde, unidades de internação socioeducativas e prisionais, entre outras”.

Críticas ao programa social

As principais críticas em torno do Programa, inicialmente, diziam respeito aos valores dos benefícios. Diversos parlamentares, inclusive o relator da MP que cria o Programa, declararam que o valor que o governo pretendia pagar às famílias era muito baixo.

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, declarou: “é obrigação atualizar (o valor do benefício) de R$ 180 para R$ 400,00. O governo não faz favor nenhum com isso”. O valor médio atual é de R$ 400,00, como já mencionado neste texto.

Outra crítica ao Programa vem da ex-ministra do Desenvolvimento Social, Tereza Campello, que declarou que o fato do Governo Federal relacionar o pagamento do programa à qualificação profissional dos cidadãos não reflete a realidade brasileira.

De acordo com ela, essa ação dá a falsa interpretação de que há diversas vagas de emprego abertas, mas que as pessoas não são suficientemente qualificadas para preenche-las. Contudo, com a pandemia da COVID-19, o que se vê é uma baixa oferta de empregos.

E você, o que acha do Auxílio Brasil? Deixe sua dúvida ou opinião nos comentários!

Referências:

Você já conhece o nosso canal do Youtube?

Laura Bonvini

Cientista política graduada pela Universidade de Brasília – UnB e profissional de relações governamentais. Acredita que duas coisas são essenciais para alcançarmos uma democracia representativa de maior qualidade: mais mulheres no poder e educação política acessível a todos os brasileiros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

últimos vídeos:

Nossa sede é em Florianópolis, mas estamos em muitos lugares!
Passe o mouse e descubra:

Nossa sede é em Florianópolis, mas estamos em muitos lugares!
Clique abaixo e descubra:

Orgulhosamente desenvolvido por: